A importância da certificação ISO 9001 para os clientes Lonax

6 minutos para ler

Qualquer negócio que busca aprimorar seu desempenho e conquistar mais espaço no mercado precisa investir em materiais de qualidade. No caso das fazendas, utilizar os melhores insumos resulta no aumento da produtividade e na oferta de produtos finais de maior valor competitivo.

Nesse sentido, ter fornecedores com a certificação ISO 9001 representa a certeza de adquirir produtos capazes de contribuir para que o agronegócio alcance o sucesso, apresentando números financeiros cada vez mais altos.

Nós conversamos com Felipe Diniz, coordenador de qualidade da Lonax, que explicou o que é esse selo de qualidade, além de seus benefícios para o negócio e o consumidor. Ele ainda contou como a empresa conquistou a certificação. Acompanhe a seguir!

Afinal, o que é a certificação ISO 9001?

ISO é a sigla para International Organization for Standardization, termo traduzido como Organização Internacional de Normalização. O nome já sugere: sua função consiste em definir regras aplicáveis e reconhecidas mundialmente. Assim, busca-se maximizar a eficiência e colocar as empresas que adotam suas diretrizes em um patamar diferenciado no mercado.

A certificação é composta por uma grande variedade de normas, regendo diversos assuntos. Entre elas, a mais conhecida se chama ISO 9001, abordando a qualidade dos produtos e serviços de todas as partes interessadas, desde a avaliação da necessidade do consumidor até a finalização do atendimento.

Quais são os impactos da ISO 9001 em um negócio?

Felipe Diniz esclarece que “as diretrizes determinadas pela ISO 9001 direcionam o negócio para estabelecer processos padronizados e definir uma série de políticas, procedimentos e outros padrões operacionais internos, sempre à procura da garantia da satisfação das necessidades dos clientes e das outras partes interessadas”.

O coordenador de qualidade apontou as seguintes vantagens desfrutadas pelas marcas que conquistam a certificação:

  • melhoria da satisfação dos clientes, visto que este é o foco principal da norma;
  • integração dos processos, resultando no ganho de eficiência;
  • facilidade de identificar oportunidades de melhoria para criar um ambiente de aperfeiçoamento contínuo;
  • potencialização dos resultados, pois cada processo recebe monitoramento individual;
  • evolução da visão de mercado;
  • padronização e aumento da qualidade dos produtos e serviços oferecidos;
  • redução dos custos e dos desperdícios.

Como a ISO 9001 engloba todos os interessados, os clientes também acessam benefícios ao comprar de uma empresa com essa certificação.

Afinal de contas, o selo acrescenta confiabilidade ao item, uma vez que o consumidor tem a segurança de que ele foi produzido a partir de processos padronizados e verificados, passando por controles de qualidade específicos.

O que é preciso para obter essa certificação?

Para conquistar a ISO 9001, é essencial seguir uma série de exigências. Cada requisito passa por uma análise em auditoria. Na sequência, veja o que se solicita:

  • foco no cliente;
  • mapeamento dos processos;
  • auditoria interna;
  • ações corretivas;
  • liderança eficiente;
  • abordagem de processo, que se refere à relação entre os funcionários e as tarefas executadas, incluindo a oferta de recursos para que as atividades aconteçam;
  • abordagem sistêmica para a gestão, isto é, todos os processos devem estar interligados;
  • envolvimento das equipes de colaboradores;
  • melhoria contínua;
  • abordagem factual para a tomada de decisões, ou seja, a análise de indicadores para traçar estratégias;
  • bom relacionamento com clientes e fornecedores.

Como funciona a auditoria da certificação?

Normalmente, a auditoria é realizada em duas etapas. Na primeira, o auditor verifica se a empresa atende aos requisitos da norma e se há algum item não contemplado, indicando possíveis ajustes. Essa fase pode ser feita presencialmente, isto é, com a visita de um auditor na empresa, ou por meio do envio de documentos ao escritório da certificadora.

A segunda etapa é chamada de auditoria de conformidade. Nela, o auditor checa a execução dos processos da empresa e analisa a conformidade dos produtos e serviços oferecidos. Se os critérios forem atendidos, o auditor recomenda a certificação, que leva cerca de 40 dias para ser emitida e entregue.

Porém, caso o resultado da segunda etapa não apresente um nível satisfatório, outra auditoria é agendada em até três meses. Assim, o auditor consegue examinar se as ações corretivas foram executadas e, em seguida, emite o parecer final.

Vale ressaltar que a ISO 9001 tem validade de três anos e deve passar anualmente por auditorias de manutenção para garantir a integridade do sistema de gestão. Após esse prazo, a marca passa novamente por uma auditoria de certificação que verifica a situação do Sistema de Gestão de Qualidade.

Portanto, é indispensável que a empresa tenha um serviço de auditoria interna, capaz de analisar constantemente se todos os requisitos continuam sendo colocados em prática. Isso assegura a renovação da certificação.

De que maneira a Lonax garantiu a conquista da ISO 9001?

Felipe Diniz explica que “a Lonax iniciou a implementação do seu sistema de gestão da qualidade em 2009 e, neste mesmo ano, foi certificada pela Bureau Veritas, um dos mais conhecidos e respeitados órgãos certificados”. Também esclarece que a iniciativa da implementação surgiu de maneira espontânea, junto à busca pela melhoria dos processos e resultados.

A partir de então, o sistema de Gestão da Qualidade Lonax virou referência devido ao modelo de produção automatizada, ao controle de qualidade e aos demais processos que envolvem a gestão de qualidade em uma indústria.

Diniz complementa dizendo que “a Lonax considera que o sistema de gestão de qualidade foi e continua sendo uma base para o crescimento. Após a certificação, notou-se um claro aumento do engajamento das pessoas, a padronização dos processos, a melhoria da qualidade dos produtos e a redução das reclamações dos clientes. Ainda, as estratégias do negócio passaram a ficar mais claras”.

Portanto, contar com fornecedores que têm a ISO 9001 é crucial para o desenvolvimento do negócio. Isso ocorre porque a certificação atesta que o processo de produção e todos os insumos apresentam a qualidade esperada pelos consumidores. Como resultado, há maior produtividade, elevação do nível dos produtos e ganhos de vantagem competitiva no mercado.

Quer adquirir produtos de qualidade e obter todos os benefícios citados no post? Então entre em contato com a Lonax agora mesmo e conheça melhor todos os nossos produtos para o seu negócio!

Você também pode gostar

Deixe um comentário