Chuvas de janeiro podem determinar recorde na produção da soja

Lonax. Recorde Produção da Soja

Conforme dados divulgados na primeira quinzena do mês de janeiro, a safra brasileira de cereais, leguminosas e oleaginosas deve crescer mais de 12% em 2023 e atingir um novo recorde, ultrapassando 296 milhões de toneladas. A estimativa faz parte do Terceiro Prognóstico do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola.

O estudo prevê um ano de recordes na produção da soja, principal destaque que deve puxar a alta neste ano. Além disso, a produção do milho pode crescer cerca de 6%. Já produtos como arroz, feijão e trigo devem apresentar declínio na produção.

De acordo com o IBGE, a perspectiva para 2023 é expressiva e ocorre após dois anos difíceis para a safra brasileira, com recuo e crescimento modesto, além de problemas climáticos.

Os pesquisadores e agrônomos de Maracaju (MS) alertam que as chuvas até o final de janeiro serão determinantes para a produtividade da soja nesta safra 2022/2023. Se o período permanecer com uma certa regularidade de precipitações, a produtividade pode superar as expectativas iniciais. O bom manejo para controlar aparecimento de pragas e doenças também é fundamental para o resultado desta safra.

Escrito por Vanessa Bordin
Fonte: https://www.rcn67.com.br

Siga nossas redes Sociais

Confira Também

Design com alma brasileira

A Lider Interiores é uma empresa brasileira do ramo moveleiro, fundada em 1945 por João da Mata Nogueira na cidade de Carmo do Cajuru, Minas

Abrir bate-papo
Fale com a gente!